Multiways

Exportação

ENAEX 2019: Exportação pode descartar redução do dólar
26 de Novembro de 2019

Exportadores do país podem esperar um dólar a R$ 4,00 até o ano que vem, sem expectativa de redução, afirmou Carlos Thadeu de Freitas Gomes, chefe da Divisão Econômica da CNC, na abertura do Enaex 2019, na quinta-feira, 22/11. "O país atravessa um bom momento. O dólar não vai ficar abaixo de R$ 4,00. Os exportadores podem esperar um câmbio ao redor de R$ 4,20. A expectativa de que o dólar caia não vai acontecer", disse. Para José Augusto de Castro, presidente executivo da AEB, a despeito dos indicadores sinalizarem desaceleração da economia mundial para 2020, o ano de 2021 será o ano de virada para o comércio exterior do Brasil, com destaque especial para as exportações de produtos manufaturados. Castro acredita que as aprovações das reformas trabalhista, previdenciária e, possivelmente, tributária; as concessões realizadas e programadas no segmento de infraestrutura; a implantação do acordo de facilitação do comércio no final de 2018; e a finalização do portal único de comércio exterior são fatores que atraem investimentos produtivos e podem gerar condições para elevação da produtividade e ampliação da competitividade do produto brasileiro interna e externamente.

 

Fonte: Assessoria de comunicação da AEB

Planeta Sustentável